55% da gripe no Instagram já cometeu fraude, diz pesquisa

Mais da metade da influência do Instagram interveio em fraudes ou métodos de redes sociais da Rede Social em 2020. Os dados são da pesquisa que foi divulgada pelo hífoptor, plataforma que explora as personalidades digitais.

de acordo com o relatório Um relatório divulgado pelo site, para mega-impacto, e celebridades foram os piores resultados, com 66% de contas envolvidas com atividades de fraude, incluindo contratação de seguidores, Likes, comentários, as opiniões de histórias de engajamento com a troca de serviço, um grupo de usuários se reúne e estranhando sistematicamente uns aos outros.

Already Nano-influenciando contas com até 5 ignorando o número de incisões de Fraud, com 42%.

Além disso, o relatório” Relatam também sobre o aumento dos usuários “vergonha alheia” a pessoas influentes que não têm respeito pelas regras de alienação social desde o início da Pestilence. Neste momento, o estado passou por restrições de quarentena. No Brasil, a mesma coisa aconteceu com Gabriella Pugliesi.

instagram

O estudo ainda aponta para outro surpreendente, apenas 55% das contas do Instagram detidas por pessoas reais. Mesmo com o crescimento das escambagens, a avaliação é de que o mercado de gripe do Instagram vai aumentar 15 até o final de 2021.

Fonte: www.tecmundo.com.br/redes-sociais/215880-55-influenciadores-fraudaram-numeros-redes-diz-estudo.htm

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com